Últimas

Timor-Leste/Eleições:PR diz ter «absoluta confiança» nos dois candidatos

29 de Março de 2012, 19:54

Díli, 29 mar (Lusa) - O Presidente de Timor-Leste, José Ramos-Horta, pediu hoje serenidade e tranquilidade aos eleitores timorenses, sublinhando que tem absoluta confiança nos dois candidatos, que vão disputar a segunda volta das eleições presidenciais a 16 de abril.

Segundo o chefe de Estado timorense, a mensagem quem tem tentado fazer chegar aos eleitores é de serenidade, tranquilidade e para não recearem qualquer um dos candidatos.

"Ambos são grandes patriotas com um grande sentido de Estado", afirmou.

Numa referência à reunião extraordinária do Conselho Superior de Defesa e Segurança hoje realizada, o Presidente disse que os dois candidatos garantiram que vão fazer de tudo para disciplinar os apoiantes.

"Os dois falaram, assumindo total compromisso de tudo fazerem para disciplinar os seus apoiantes para que ninguém se envolva em atos de intimidação ou violência", afirmou o Presidente timorense, acrescentando ter "absoluta confiança" nos dois candidatos.

A campanha eleitoral para a segunda volta das presidenciais de Timor-Leste começa na sexta-feira.

A segunda volta vai ser disputada entre Francisco Guterres Lu Olo, candidato apoiado pela Frente Revolucionária de Timor-Leste Independente (Fretilin, oposição), e Taur Matan Ruak, apoiado pelo Conselho Nacional de Reconstrução de Timor-Leste (CNRT, no poder), do primeiro-ministro, Xanana Gusmão.

Na primeira volta participaram 12 candidatos, entre os quais o atual Presidente timorense, José Ramos-Horta, que ficou em terceiro lugar, e o presidente do parlamento, Fernando La Sama de Araújo, que ficou na quarta posição.

MSE.

Lusa/Fim


Comentários