Últimas

Timor-Leste/Eleições:O mais importante da segunda volta é garantir presença de eleitores nas urnas - STAE

02 de Abril de 2012, 17:27

Díli, 02 abr (Lusa) - O diretor-geral do Secretariado Técnico da Administração Eleitoral (STAE) de Timor-Leste, Tomás Cabral, disse hoje que o mais importante para a segunda volta das eleições presidenciais é garantir que todos os eleitores chegam às urnas.

"O mais importante é a presença dos eleitores nas urnas", disse à agência Lusa Tomás Cabral.

O diretor do STAE, responsável pela organização das eleições no país, falava à margem de um encontro realizado hoje para analisar as dificuldades da primeira volta das eleições presidenciais, que decorreu a 17 de março, e o que é necessário melhorar para a segunda volta, prevista para 16 de abril.

Segundo Tomás Cabral, na primeira volta houve dificuldades provocadas pelo mau tempo que tornaram muitos locais inacessíveis e dificultaram a chegada às urnas dos eleitores.

"Na primeira volta tivemos dificuldades devido às estradas e à chuva. O temporal também não ajudou", disse.

Na madrugada de 17 de março um forte temporal foi sentido por todo o país provocando a queda de dezenas de árvores, feridos ligeiros e três mortos.

Na primeira volta, a taxa de abstenção foi de 21,8 por cento.

Na segunda volta das eleições presidenciais vão participar Francisco Guterres Lu Olo, candidato apoiado pela Frente Revolucionária do Timor-Leste Independente (Fretilin, na oposição), e Taur Matan Ruak, apoiado pelo Conselho Nacional de Reconstrução de Timor-Leste (CNRT, no poder), do primeiro-ministro, Xanana Gusmão.

MSE.

Lusa/fim.


Comentários